Notícias

Em dois anos, município de Apodi tem aumento de mais de 400 matrículas na rede municipal de ensino

O município de Apodi, no interior do Rio Grande do Norte, registrou nos últimos dois anos, um aumento de mais de 400 matrículas na rede municipal de ensino. Os dados foram divulgados pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura.  De acordo com as informações, a atual gestão recebeu o município com 3.100 alunos matriculados, e hoje conta com mais de 3.500 alunos.

Segundo o secretário Municipal de Educação, Elmo Alves, uma série de fatores colaboraram para esse aumento nas matrículas. “Com a inauguração da Creche Modelo conseguimos ampliar o número de matrículas para 300. Esse fator foi impactante nos dados”, comentou.

Outro fator apontado pelo secretário é a qualidade do serviço prestado. “Mantemos uma política de valorização dos nossos profissionais e docentes. Estamos fazendo o pagamento do sexto de férias para os professores, sendo 15 dias de recesso remunerado entre os meses de junho e julho. Estes estão recebendo ainda o reajuste do piso anual, além do rateio do FUNDEB, realizado pela gestão. Com isso os servidores desempenham suas funções com muito mais qualidade e empenho”, disse Elmo.

Durante os últimos dois anos, a Prefeitura de Apodi construiu duas novas escolas, sendo uma na zona rural e outra na zona urbana. Outras 22 escolas do campo e zona urbana receberam melhorias em suas estruturas física, como pintura, retelhamento, melhorias nas cozinhas e banheiros, acessibilidade, climatização em 4 escolas e ampliação de outras duas. O gestor do município, Alan Silveira (MDB), explicou o porquê dessa atenção voltada para a educação.

“Estamos investindo na educação por entendermos que o caminho para a ascensão do indivíduo é a educação. Valorizamos profissionais, investimos em alimentação escolar de qualidade, reformamos, ampliamos e climatizamos escolas, colocamos cuidadores para crianças com deficiência e oferecemos transporte escolar para todos, inclusive com atenção especial para o aluno cadeirante, que conta hoje com um veículo específico para o transporte, buscando e deixando o aluno na porta de sua casa”, concluiu Alan.